Thumb-superdica-iluminacao

CORES QUENTES OU FRIAS, QUAL A MELHOR TONALIDADE PARA OS AMBIENTES?

Na hora de escolher entre iluminação “quente” ou “fria” para uma luminária, muitas dúvidas podem surgir. Afinal, qual seria a ideal? Na verdade, não há padrões estabelecidos de forma rígida, já que as adequações levam em conta as sensações que as luzes promovem, o que é subjetivo, porém há aspectos de cada tipo de temperatura que orientam na hora de projetar a iluminação do seu ambiente. E é nisso que queremos ajudar você.

Cores quentes e cores frias em nada tem a ver com temperatura em calor físico, e sim com a aparência de cor que cada uma emite. As quentes possuem tons amarelados de iluminação, enquanto as frias são compostas de tons azulados. As diferentes tonalidades de iluminação influenciam não só na estética do ambiente, mas também no rendimento das atividades desenvolvidas naquele espaço.

Quando consideramos a luz natural, do sol, observamos que há nuances amareladas no início e final do dia, e outras mais intensas ao longo do dia, acompanhando o aumento de intensidade das atividades. Assim, os estudos sobre iluminação artificial se baseiam nessa dinâmica da natureza para elaborar o melhor a ser aplicado a cada caso.

Ao adaptarmos essa ideia às diferentes atividades que são exercidas em cada espaço, podemos definir que para os ambientes que remetem ao estado de relaxamento, o ideal são temperaturas quentes, por proporcionarem um clima confortável, sociável e íntimo, sendo ideal para quartos, salas, áreas de lazer, lounges e recepções.

Intermediando entre quentes e frias, há os tons neutros, que são os mais adequados para instalações sanitárias, cozinhas, lavanderias, escritórios, home offices e demais ambientes que sejam voltados para atividades que necessitem de moderada atenção. Para os ambientes em que se exerça atividades que demandem maior concentração, como indústrias, hospitais, clínicas, drogarias e ambientes coorporativos, o ideal são as temperaturas frias.

Quando o ambiente é para diferentes atividades, uma possibilidade é a de criar ambiências, utilizando circuitos diferentes de iluminação. Assim, em uma cozinha, por exemplo, em que se faça também as refeições, é possível aplicar um circuito de luzes neutras no espaço geral e, sobre a mesa ou bancada, explorar os tons quentes com pendentes, spots direcionáveis ou sancas, alcançando assim o melhor desempenho para cada momento.

 

Além da Super Dica do mês e do nosso atendimento especializado, a Itapuã oferece tudo em iluminação, instalação elétrica e os melhores produtos. Conheça nossas lojas e explore as possibilidades que temos para você criar ambientes agradáveis e personalizados!